Iniciativa foi da Polícia Militar de Meio Ambiente e mudas foram doadas por empresas da região; plantas são de árvores nativas, ornamentais e frutíferas.
*Por Juliana Peixoto, G1 Grande Minas

Mais de mil mudas de árvores nativas, ornamentais e frutíferas foram trocadas por alimentos não perecíveis para beneficiar famílias carentes das áreas urbana e rural de Bocaiuva, no Norte de Minas. A iniciativa foi da Polícia Militar de Meio Ambiente e já ajudou 25 famílias, além de casas de apoio a idosos e dependentes químicos.

“Percebemos que a aceitação de mudas é grande, assim como a procura. Então, surgiu a ideia de fazermos a troca para beneficiar o ambiente e as pessoas. A primeira família que ajudamos mora no Povoado de Sentinela, a 20 km de Bocaiuva, e os moradores precisavam de agasalhos e alimentos. A aceitação foi tão boa que as sementes já acabaram”, explicou o sargento José Renato Souto, da Polícia Militar de Meio Ambiente de Bocaiuva.

As mudas foram doadas por empresas da região e são de espécies como pau preto, baru, tamburil, ipê, goiaba vermelha, pitomba, jambo, jamelão, mamão, urucum e acerola.

“A campanha começou antes do Natal e fez parte do cronograma da campanha da Companhia de Meio Ambiente para arrecadação de fraldas. Agora, o próximo passo é conseguirmos mais mudas. Já temos o projeto de produzirmos nossas próprias plantas, mas para a continuidade o envolvimento da comunidade é muito importante”, disse.

Apoio e cuidado

Mudas doadas em Bocaiuva são de árvores frutíferas e das espécies pau preto, baru, tamburil e ipê. (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Para a troca de mudas por alimentos, os militares organizaram pontos de apoio em locais estratégicos. A empresária Maria Aparecida Pereira tem uma escola de cursos de qualificação profissional e apoiou a ideia; ela transformou a empresa num ponto de arrecadação.

“Eu já participava de trabalhos sociais e quando soube da iniciativa da PM, coloquei a escola à disposição. Trouxemos as mudas e os alunos se engajaram na ideia. Foi tão produtivo que já temos intenção de fazer o mesmo em outras datas, como no Feriado da Páscoa e no Dia das Crianças”, comemorou.

A escolha das famílias beneficiadas aconteceu por meio de sugestões da comunidade e dos militares que fazem patrulhamento rotineiro. Os policiais acompanham o cultivo das plantas.

“As pessoas que têm interesse em pegar as mudas, geralmente, já têm conhecimento de como é feito o plantio e dos cuidados com a planta. Mas reforçamos as orientações sobre onde e como plantar, além do manejo correto; esta arborização é muito importante para o equilíbrio ambiental. As últimas doações foram feitas nesta semana”, finaliza o sargento.