*POR aconteceu no vale

A Câmara Municipal de Ipatinga aprovou nesta segunda-feira (25/03/2019), por unanimidade, com 17 votos a favor, o primeiro turno de votação do projeto de emenda que visa reduzir o número de vereadores no município de 19 para 15. A proposta prevê que a norma seja válida já para a próxima legislatura, com início em 2021.
Para entrar em vigor o texto deve ser novamente aprovado pela maioria dos vereadores, em reunião marcada para o dia 4 de abril. A votação faz parte de um pedido feito pelo Ministério Público para ajustar medidas para redução de custos do Legislativo.
“Essa decisão foi tomada diante de uma nova gestão, de um cenário onde nós temos que avaliar receitas e despesas no município. Diante disso, nós sentimos a necessidade da redução de vereadores, que nós iremos economizar para a Câmara Municipal de Ipatinga e para os cofres públicos, cerca de R$ 2,5 milhões por ano”, explicou o presidente da Câmara, Jadson Heleno.
Fabinho do Povo
Também nesta segunda-feira, a Câmara deu posse ao vereador suplente Fábio Pereira dos Santos (PSC), popularmente conhecido como Fabinho do Povo. O parlamentar assume a cadeira de Wanderson Gandra (PSC), que completou 30 dias preso e por isso precisa ser substituído provisoriamente. Fábio Pereira fica no cargo até que haja uma definição sobre a situação de Gandra.
Wanderson Gandra é um dos vereadores presos pelo Gaeco dentro da operação Dolos, que investiga esquema de manipulação de salários de servidores da cidade. Além de Gandra, estão presos os vereadores Paulo Reis (PROS), Luiz Márcio Rocha (PTC), Rogério Antônio Bento (ex-PSL) e José Geraldo de Andrade (Avante).

Comentários no Facebook